COMO RECEBER E ADMINISTRAR HERANÇAS: SEGREDOS DA PROSPERIDADE INTEGRAL

Dinheiro e outros bens materiais são bênçãos desde que sejam tratados de forma correta.

Você deve estar se perguntando: existem maneiras corretas para lidar com recursos materiais e dinheiro? A resposta é sim e sua comprovação pode ser feita observando os efeitos dessas posturas adequadas no trato com o mundo material.

Ao longo da minha vida pesquisei, entrevistei pessoas, viajei para longe em busca de desvendar algumas questões que, desde cedo me intrigavam e ainda continuo investindo no meu autodesenvolvimento para me sentir cada vez mais preparado para apoiar pessoas que desejam de verdade conquistar prosperidade integral. Antes de continuar, quero destacar que prosperidade integral inclui dinheiro e muitas outras dimensões da vida de um ser humano.

Neste estudo quero abordar somente um tema: a questão das heranças financeiras e materiais nas famílias. Se o herdeiro ou herdeira não souber receber o que lhe chega em forma de herança, o que poderia ser bênção, torna-se fonte quase inesgotável de problemas, adoecimentos físicos ou emocionais além das perdas de amizades e adquire, por consequência, uma incapacidade de desfrutar da vida. Em muitos momentos de turbulências geradas pela forma equivocada de lidar com as heranças, muita gente desabafa dizendo que seria melhor que nada disso lhe tivesse chegado às mãos.

O antigo provérbio “o pouco com Deus é muito e o muito sem Deus é pouco”, é verdadeiro porque resume a sabedoria que os descendentes devem desenvolver para fazer a prosperidade ser uma constante em suas vidas. Receber o que veio dos antepassados exige uma postura que envolve alguns aspectos tais como não julgar os ancestrais a respeito de como viveram, se foram justos, se eram bons… o não-julgamento dos mais velhos do clã familiar livra os descendentes de muitos problemas. Outro fator é ter uma atitude de profunda gratidão ao receber heranças e desfrutar delas de forma equilibrada. Terceiro, os herdeiros não são guardiães dos bens dos mortos que lhes deixaram heranças, portanto, devem receber de forma respeitosa e, tomar como suas o que lhes foi destinado, nada mais.

Reveja esses três segredos que compartilhei, reflita sobre as consequências quando não são praticados e escolha ser uma pessoa próspera integralmente, o dinheiro e os bens materiais são apenas uma parte dessa maravilhosa prosperidade. Existem pessoas com muitos bens e que não são prósperas e existem muitas pessoas que, mesmo possuindo pouco aos olhos dos outros, são livres. Liberdade é a mais alta expressão da prosperidade. Quem está preso a bens materiais e ao dinheiro tem o desafio de equilibrar essa relação e conquistar liberdade. Ser próspero integralmente exige sabedoria para lidar com as heranças familiares. (Aluísio Alves: Psicanalista, Doutor em Educação Médica, Constelador Sistêmico, Executive Coach, Treinador Comportamental).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *