A FORÇA CURATIVA DO PODER SUPERIOR E DA MENTE (parte 3)

A força curativa do Poder superior e da mente ainda é algo pouco conhecida e, ao mesmo tempo, está sendo experimentada pela medicina integrativa com surpreendentes resultados positivos para solucionar aquilo que, para muitos, era impossível.

Nesta última parte do nosso estudo, quero destacar o quanto vários profissionais da medicina convencional de especialidades diferentes, incluindo médicos, nutricionistas, psicólogos, dentistas, fisioterapeutas têm buscado, inteligentemente, os recursos da medicina integrativa para auxiliar, cada vez mais, os pacientes a conquistarem o que precisam. Inclusive, alguns cursos de medicina de faculdades tradicionais têm incluído conteúdos de Espiritualidade e outros relacionados que demonstram a vastidão dos recursos disponíveis dentro e fora do ser humano que podem ser acessados para recuperar e manter a saúde ou ensinar os significados profundos dos adoecimentos do corpo, da alma e do espírito.

Durante meu doutoramento em que pesquisei a formação médica e a história da medicina pude me deparar de forma paralela com grandes ensinamentos que, por diversas razões, ficaram à margem do que veio a se constituir a medicina convencional, porém, nos últimos tempos, a própria ciência tem se voltado para examinar o que, antigamente, era do domínio de antigas tradições cujos conhecimentos ancestrais eram guardados a sete chaves com poucos iniciados.
Muito do que era realizado secretamente e nos territórios das tradições de antigas sabedorias, hoje, já estamos utilizando nos consultórios e clínicas, associando, portanto, a força curativa do poder superior presente nos seres humanos sob diversas nomenclaturas e no poder da mente para curar e remover sofrimentos físicos, psíquicos e espirituais.

O que é preciso comentar aqui é que a medicina integrativa deve ser exercida por pessoas que têm estudos suficientes para oferecer técnicas seguras e consigam dialogar com a medicina convencional. Com o advento da internet e a banalização da sabedoria e do conhecimento profundo, o joio se misturou ao trigo, exigindo dos pacientes interessados, critérios sérios para escolher tratamentos e profissionais. Falar e escrever sobre medicina integrativa é uma coisa, usar as ferramentas que incluem o poder curativo superior e da mente de forma certeira e responsável, é outra coisa completamente diferente.

Tenho a alegria de atender aos profissionais da saúde de vários segmentos, sendo eles mais de 40% dos meus pacientes e, ao mesmo tempo, trabalho sempre em parceria com outros agentes da medicina convencional, incluindo os da saúde mental e é essa interação que me deixa cada dia mais confiante por ver os resultados que vão muito além do que, muitas vezes, os pacientes esperam.
Donas de casa, estudantes, profissionais de variadas profissões, gente da cidade e de áreas rurais, crianças, jovens, adultos e anciãos, pessoas de crenças religiosas diversas e orientações comportamentais múltiplas, de regiões e culturas diferentes, têm sido muito beneficiadas com os protocolos que desenvolvi para oferecer tratamentos integrativos.

O que fica muito claro tanto para mim quanto para o grande número de pessoas a quem tenho atendido nesses muitos anos, é que a força curativa do Poder superior e da mente, mesmo ainda pouco conhecida, está sendo praticada pela medicina integrativa em conjunto com os métodos da medicina convencional, com surpreendentes resultados positivos para solucionar aquilo que, para muitos, era impossível. (Aluísio Alves: Psicanalista, Terapeuta Sistêmico, Pós-Doutorando em Educação, Doutor em Educação Médica, Hipnose Clínica, Mentoria de Líderes e Equipes).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *