PESSOAS COM LUGARES ESPECIAIS EM NOSSA VIDA: A FORÇA DO RECONHECIMENTO

Além da família de origem, sobretudo, dos pais biológicos, muitas pessoas têm lugares especiais em nossas vidas e quando isso é reconhecido e manifestado, desbloqueia-se o que não fluía e abrem-se novas portas para mais leveza e prosperidade.

Talvez aquele amigo ou aquela amiga que lhe deu uma palavra de estímulo na hora em que mais precisava estejam esquecidos em sua memória… padrasto e madrasta que ajudaram na sua criação e educação… o desconhecido que lhe deu uma informação precisa e que evitou seu cansaço, professores e professoras que souberam exigir que mostrasse seu talento e sua capacidade ou que colocaram os limites tão necessários para frear a imaturidade e a impulsividade, a pessoa que lhe devolveu um objeto perdido do qual nem se dera conta, os amores que já encheram seu coração de afeto, todos merecem um lugar especial em sua vida.

Pessoas especiais que passaram a fazer parte da vida de outras têm uma equivalência com a família biológica, não chega ao nível dos parentes de sangue, mas devem ser reconhecidas pelo valor afetivo que agregam na nossa história individual. Devem ser celebradas e agradecidas pelas existências tão benéficas para nós e reconhecidas por nos tornarem melhores seres humanos.

Os amigos de infância ou da adolescência cujas imagens estão vivas na memória e tantos outros seres têm lugares especiais em sua vida e o que falta é você reconhecer isso. Reconhecer é ter gratidão pelas companhias tão valiosas neste mundo cada vez mais marcado pelo silêncio, pela indiferença e pelo individualismo.

Já encontrei muita gente que estava mergulhada na depressão, na falta de autoconfiança, adoecendo a alma e o corpo devido ao fato de não darem o primeiro passo, tomarem a iniciativa de aproximação com pessoas significativas do presente e do passado em sua vida. Dar um lugar especial a tantas pessoas incríveis que passaram ou estão em nossas vidas é terapêutico e é preventivo para tanto adoecimento do espírito, da alma e do corpo.

Talvez, você precise reconhecer mais o valor de tantas pessoas em sua vida e dar a elas lugares especiais. É movimento interno, porém, quando isso é seguido por manifestação da gratidão por essas pessoas especiais, mesmo que já estejam mortas, abrirá uma fonte nova de forças na vida e alegria de estar nesta jornada será renovada.

A sugestão é que tire tempo para anotar nomes ou se não souber, anotar os acontecimentos que marcaram e marcam sua vida pela presença ou passagem de tanta gente que lhe fez ou faz bem. Retribua, faça o mesmo para outras pessoas, conhecidas ou não e não se esqueça de manifestar, falar, anunciar, comunicar sua gratidão a esses seres inesquecíveis.

O certo é que além dos integrantes da sua família de origem, sobretudo, dos pais biológicos, muitas pessoas têm lugares especiais em sua vida e quando isso é reconhecido e manifestado, desbloqueia-se o que não fluía e abrem-se novas portas para mais leveza, prosperidade e saúde plena em todas as dimensões do seu ser. (Aluísio Alves: Psicanalista, Terapeuta Sistêmico, Pós-Doutorando em Educação, Doutor em Educação Médica, Hipnose Clínica, Mentoria de Líderes e Equipes).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *